O assunto de hoje é: O bebê não tomou as primeiras vacinas. Ele pode fazer o ensaio de recém-nascido assim mesmo?

Para fazer o ensaio de recém-nascido o bebê não precisa necessariamente ter tomado as primeiras vacinas. Mas ele precisa tomar todas as vacinas recomendadas para a idade.

As duas primeiras vacinas que o bebê recebe geralmente ainda no hospital são:

  • BCG
  • primeira dose da vacina de Hepatite B.

A primeira dose da vacina de Hepatite B é aplicada no músculo da coxa. Para que a imunização aconteça, são necessárias três doses da vacina, assim uma dose somente não significa que o bebê já está imunizado.

A mesma coisa vale para a BCG, que protege o bebê contra as formas mais graves de tuberculose.

Essa vacina é aplicada após  nascimento, no braço do  bebê. No local da aplicação forma-se uma bolha, que vira uma lesão e depois transforma-se em crosta. Quando essa crosta cai o bebê está imune.

Dessa maneira, se tivéssemos que esperar que o bebê esteja imune a tuberculose, ele passaria da idade de realizar o ensaio de recém-nascido.

A mesma coisa acontece com a vacina de Hepatite B, pois a última dose é aplicada aos seis meses de idade do bebê.

No estúdio fotográfico ou em casa, as chances de contato a qualquer uma dessas doenças é mínima.

Primeiro porque o fotógrafo não estará doente para fotografar e a forma de transmissão da Hepatite B não é possível acontecer durante o ensaio.

Assim, a maior preocupação durante o ensaio são outras doenças, que vamos falar nos próximos drops.

Vacinas são muito importantes, mas não são obrigatórias para o ensaio de recém-nascido, porque o estúdio estará preparado para receber o bebê sem nenhum risco para essas duas doenças.

Esse foi o drop de hoje, amanhã tem mais.

Camila e Gabi – Enfermeiras neonatais e fotógrafas de família e recém-nascidos do estúdio SiS foto e design.