No Drops das SiS de hoje vou falar sobre mancha mongólica.

A mancha mongólica é uma diferença na tonalidade da pele do bebê recém-nascido e normalmente ela se encontra no bumbum do bebê ou na sua região dorsal do bebê, como nas costas, ombros, braços e coxas.

Mancha mongólica menina recém-nascida

A presença da mancha mongólica no bebê está ligada à sua descendência. E ela é muito frequente nas raças asiáticas, indígenas, hispânicas e africanas. No Brasil, um país de muita miscigenação racial, a presença da mancha mongólica nos bebês é extremamente comum.

É muito comum o bebê nascer com essa mancha e os pais ficarem preocupados, pois a mancha mongólia é muito parecida com um hematoma. Assim, é frequente eles acreditarem que o bebê tenha sofrido algum trauma no parto e por isso a presença da mancha. É importante que se saiba que isso não é verdade.

A mancha mongólica é benigna e não traz nenhum malefício para o bebê. Ela pode ir diminuído com o tempo tanto em tamanho, como na diferença de tonalidade da pele. Ela pode sumir ou não. às vezes ela acompanha o indivíduo até a sua fase adulta.

 

Gabi é enfermeira neonatal e fotógrafa do estúdio SiS foto e design

O Estúdio SiS fica localizado na Vila Leopoldina em São Paulo e tem como especialidade fotografia newborn e de família.

Para ver outros Drops das SiS é só clicar aqui!