No drop das SiS de hoje eu vou falar sobre a Síndrome da morte súbita no bebê.

Esse é um assunto que não gostamos muito de falar. Mas é importante alertar para que esse evento, que é devastador na vida da família, não aconteça com outras.

A morte súbita de um bebê é quando alguém encontra o bebê sem vida no berço ou em outro lugar. E não se consegue determinar a causa do óbito nessa criança.

Para evitar que isso aconteça com outras famílias, pesquisadores foram procurar quais são os fatores em comum nesses óbitos. Determinou-se uma lista de fatores de risco. A partir daí, podemos tomar alguns cuidados que evitam a morte súbita do bebê.

Quais são esses cuidados?

  • Mudou a posição para o bebê dormir. Ele deve dormir de barriga para cima nos momentos que não tem ninguém supervisionando.
  • Colchões firmes, pois os colchões macios aumentam o risco.
  • Nada no berço, ou seja, sem travesseiros, kit berço, bichos de pelúcia. O ideal é que o colchão esteja livre.
  • As crianças deve dormir no quarto com os pais até no mínimo 6 meses de vida. A academia americana de pediatria indica até os 12 meses.
  • Agasalhar o bebê para dormir é melhor do que colocar cobertores. Ou seja, vista o bebê com uma roupa apropriada para o clima.
  • Um ambiente livre de tabaco também é muito importante  e essencial para evitar esse tipo de acontecimento.

Gabi é enfermeira neonatal e pediátrica e fotógrafa do estúdio SiS foto e design.